sábado, 2 de maio de 2009

Um em dois

As histórias mais simples, em geral, são as mais plenas de significado.
Argumento para um filme: rapaz conhece moça em um trem a caminho de Viena. Eles decidem descer juntos e passar uma noite na cidade. Só isso. Essa é a história de Antes do Amanhecer. O recheio do filme são os diálogos. São simplesmente longas e deliciosas conversas. Mas mostra aquele tipo de ligação verdadeira que acontece apenas algumas vezes na vida.
Já era um dos meus filmes favoritos. Até que nove anos depois, vem a continuação. Em Antes do Pôr-do-sol, os mesmos personagens se reencontram em Paris. A mesma sintonia, a mesma mágica e a base de tudo continua sendo as conversas.
Agora já não consigo dizer qual é o meu preferido. O melhor é assistir aos dois, um depois do outro, e sentir como se fosse um único filme. Uma única história. Simples e perfeita.

video

2 comentários:

Kenia Cris disse...

Acredita se eu disser que nunca vi nenhum dos dois apesar de todos os meus alunos comentarem o tempo todo?! É um filme triste? O final é feliz?

Abraço grande pra você!

Rose Marques disse...

Ah, Kenia! Você tá perdendo dois filmes lindos! : )
Se é triste? Se tem final feliz? Se eu contar, estraga. Mas pelo que eu "conheço" de você pelo seu blog e seu perfil, acredito que você vai amar!
Abração!